Sobre o guia

capa-angulo0

A ocorrência de desastres e outras situações de anormalidade às quais estamos submetidos parecem ter aumentado em frequência e intensidade, mas isso não é completamente verdade, pois o que realmente sofreu sérias alterações foi a nossa vulnerabilidade. O crescimento populacional e a expansão urbana das cidades sem que houvesse um desenvolvimento planejado e adequado forçou ocupações antrópicas em locais inseguros e muito vulneráveis.

O Guia de Autoproteção para Desastres e Situações de Anormalidade pretende levar a todos os cidadãos as informações necessárias para que possa ser desenvolvida uma sensibilidade que lhes permita e incentive a preparar-se para enfrentar situações difíceis com o menor impacto possível, tornando-os mais resilientes e menos vulneráveis.

Autor: Paulo de Almeida
Número de páginas: 56
Editora: Design Editora Ltda
Copyright: 2015
Coordenação editorial: João Chiodini
ISBN: 978-85-8081-055-4

 

 

plano-familiaR

O guia foi desenvolvido com alguns formulários em seu interior, o que faz com que ele próprio se transforme no Plano de Emergência Familiar. Isso tende a facilitar o processo para que as informações nele contidas possam ser aplicadas na prática.

“Nos últimos anos a humanidade vem sofrendo de forma cada vez mais acentuada os efeitos das catástrofes naturais, bem como aquelas originadas por ação humana. De modo bastante específico o Estado de Santa Catarina vem sofrendo de forma recorrente, em maior ou menor escala, os efeitos das calamidades de toda ordem.

Nesse sentido, nada mais correto e sensato que busquemos o máximo de informações de como prevenir e também como agir quando as ocorrências de desastres surgirem e que, de forma direta ou mesmo de forma indireta, estejamos envolvidos.

Como informação de qualidade para tais situações é imprescindível que saibamos a forma correta de agir, e para isso esta obra de Paulo de Almeida se constitui numa excelente fonte de consulta.

De forma sucinta e esclarecedora, o entusiasta pelos assuntos de defesa civil e sempre voluntário Paulo apresenta em sua bela obra uma série de fatores que devem ser observados para que consigamos saber o que fazer quando as calamidades advirem.

Livro como este, deve ser mantido ao alcance de esporádicas leituras a fim de conhecer todas as ações a serem desenvolvidas em caso de catástrofes amenizando assim os seus efeitos, principalmente no que se refere a incolumidade física e vida das pessoas, ou seja, nosso maior patrimônio.

Se por um lado temos que conviver com a incerteza de que a qualquer momento poderemos estar frente a uma tragédia, por outro lado podemos ter a certeza de contar com obras como esta, cujo assunto é de interesse de todos, e por tal razão se constitui num grande aliado da população”.

Tenente Coronel PM Rogério Vonk
Comandante do 14° Batalhão de Polícia Militar de Santa Catarina